Browsing Tag

fórmula enriquecida para bebês

Culinária, Maternidade, Minha Casa, Minha Dica

Um tal de DHA

Olá, pessoal!

Hoje  dividirei com vocês uma informação que achei mega, supe, hiper importante e que eu, antes de tomar conhecimento, nunca nem tinha ouvido falar!!

Como vocês sabem amamentei exclusivamente a Isabella até 1 ano e 6 meses de idade. Até, então, não tinha nunca oferecido qualquer leite/fórmula a ela. Depois disso, aos poucos, como já contei num post do passado, o desmame passou a ser gradual, não porque era a minha intenção, muito pelo contrário, mas porque ela mesma começou a dar sinais de que estava preparada para isso.

Porém, como já me conhecem, e não seria diferente agora, antes de decidir por qual leite oferecer a ela, passei em consulta com o pediatra e o que me foi orientado era que oferecesse o leite que melhor ela se adaptasse, afinal seria uma incógnita a reação dela com a introdução de um leite de sabor diferente ao de costume – e na minha cabeça, considerando tudo que já tinha lido e visto sobre a experiência de outras amigas, a introdução do leite seria um drama! Confesso que estava super ansiosa, pra não dizer com medo! rs

E pra minha supresa…. tcharammmm…. a introdução do leite industrializado foi sem trauma algum… como falei e acredito que assim é o mais correto a Isabella já estava caminhando para o desmame natural… minha bebezinha estava crescendo e quem estava segurando as rédeas era a mamãe aqui… E fazendo um parênteses: acho que chorei mais que ela quando vi que a Isabella estava mais preparada que eu para aquele momento… a hora dela tinha chegado e a mamadeira estava se tornando, aos poucos, sua queridinha (rs).

Bom, o fato é que, ao mesmo tempo em que eu sofria com aquela “separação”, também sentia um alívio interno por não vê-la sofrer… Chorei, pessoal, chorei muito… Toda vez que ia dar a mamadeira as lágrimas eram incontroláveis! Até agora aqui escrevendo e relembrando estou aos prantos! Mas realmente era o momento dela… Pronto!

Como falei o desmame dela foi bem gradual… Durante o primeiro mês ofereci o leite industrializado apenas uma vez por dia e fui aumentando a frequência bem aos poucos, bem aos poucos mesmo (rs), até que estava amamentando apenas uma vez ao dia e com 1 ano e 7 meses resolvemos juntas que seria o fim… Ela já não fazia qualquer questão e, percebendo, cedi… isso tem duas semanas, pessoal! Ainda estou na crise da abstinência (rs) e sinto muita falta… muita saudade!

A experiência da amamentação foi a mais difícil, surpreendente, transformadora e rica de amor que passei em toda a minha vida! Quem me segue sabe que o início da amamentação pra mim foi muito, muito difícil… como sofri… pensei que não suportaria.. mas superei, corri atrás, me doei por amor e venci! E hoje vejo o quanto tudo isso valeu a pena… e o aprendizado é que para tudo nessa vida tem a sua hora, o seu momento…

Bom, mas voltando à história do leite quando ela completou 1 ano e 6 meses, como falei a vocês, por orientação do pediatra, fui logo optando pelo leite mais conhecido no mercado (Ninho 1+) e a Isabella se adaptou perfeitamente! Uma beleza! A mãe aqui satisfeita da vida seguiu com ele até então.

Continue Reading