Maternidade, Minha Dica

O que levar para a maternidade – bebê

Olá pessoal, tudo bem?

Continuando o post anterior, hoje, listarei os itens que considerei importantes ao fazer a malinha do bebê.

Bom, a malinha da Isabella, assim como a minha, preparei quando estava com 36 semanas como já mencionei para vocês no post anterior. Considerei que nessa fase já seria interessante estar com tudo arrumadinho e preparado caso a Isabella desse qualquer sinal de querer vir ao mundo um pouquinho antes.

Muitas maternidades possuem uma lista própria do que recomendam que a gestante leve para o tempo da internação. No meu caso segui as recomendações do hospital que escolhemos e acrescentei alguns itens que, na minha opinião, foram muito úteis.

Ah, lembrando que é muito importante levar em consideração o tempo de internação… que, geralmente, são de 3 dias, bem como a estação e o clima da época, ok? 😉

Então vamos lá:

Roupinhas:

– 6 bodies manga longa

– 6 calças com pezinhos (também conhecido como culote)

– 6 macacões

– 6 pares de meinhas

– 3 luvinhas para recém nascido

– 3 gorrinhos

– casquinhos de lã para bebês que nascem em época mais fria

– 1 saída de maternidade e a manta coordenando (opção, tá?)

Uso geral:

– 4 mantas que possam coordenar com as roupinhas (lembrando sempre do clima, ou seja, mantas mais quentinhas para os meses mais frios e mantas mais frescas para os meses mais quentes)

– 4 paninhos de boca

– 4 cueiros ou fraldas (para quando os visitantes insistirem em pegar o bebê – isso ajuda a protegê-lo do contato direto com agentes externos e estranhos)

Uso pessoal:

– pomada para assadura

– cortador/lixa de unha

– escovinha de cabelo

– fralda descartável (embora algumas maternidades disponibilizem esse item)

– sabonete líquido

– algodão, cotonetes, álcool (geralmente a maternidade fornece, porém, é bom certificar com antecedência)

Como organizei:

Bom, antes de mais nada é importante lembrar que todos os itens do bebê deverão estar lavados e passados, evitando, assim, qualquer contato do bebê com possíveis agentes nocivos a ele.

Quanto à organização em si, quem já me conhece sabe que sou daquelas loucas por organização (kkkk), então, a malinha da Isabella foi daquelas com tudo separado, etiquetado e embalado de forma individualizada.

Separei em saquinhos de organza (comprei 10 saquinhos já prontos em lojas especializadas para enxoval de bebê).

Em cada saquinho coloquei uma troca completa de roupa (body, calça, macacão, gorrinho, luvinha e a manta).

Todos os saquinhos foram etiquetados com o nome completo dela e o meu. As roupinhas que foram levadas também etiquetei com adesivos próprios para roupas. Assim não corria o risco de sumir ou trocar nada. Vocês podem comprar essas etiquetas em sites específicos como (www.fabeestore.com.br) ou adquirir um rotulador eletrônico que vende facilmente em lojas de papelaria e afins. Outra maneira mais fácil é usando etiquetas adesivas simples ou caneta para tecido. Fica a critério de cada pessoa.

Dica importante:

– algumas maternidades disponibilizam o serviço interno de cartório para o registro de nascimento. Informe-se sobre isso na maternidade que pretende ter o bebê, pois, além da praticidade, facilita muito na hora de registrar o bebezinho. Porém, se optar por usar esse serviço não esqueça de levar a certidão de casamento dos pais e os respectivos documentos pessoais.

Bom, acho que é isso.

E, se você já passou por essa experiência e tem algum item a mais que considerou essencial durante o tempo que passou na maternidade não esqueça de dividir aqui com a gente! Esse espaço é nosso!!

Um beijo bem grande e fiquem com Deus!

Previous Post

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply Erica 11 de agosto de 2017 at 22:03

    Oi prima até q a sua lista é razoavelmente pequena, aqui na França incluímos: calcinha pós parto descartável, absorvente pós parto, creme para o bico do seios ( que sinceramente acho q não serve la grande coisa, tem q fazer o calinho no peito mesmo e o bebê pegar direito), concha coletora, absorvente para seios ( não sei o nome em português), sabonete íntimo, pijama, robe, toalhas de banho pra mamãe e bebe, lençol pro bercinho do bebe…
    Aqui não tem essas calças de pezinho ( pelo menos nunca vi) então eles pedem pijama de pezinho e a separação de roupas é só para aquele do dia do parto, pedem pra fazer uma malinhas com 1 body, 1 pijama, 1 gorro, 1 par de meia e 1 par luvas e outro com a roupa da mamãe

    Aqui as maternidades dão normalmente:
    1 pcte de fralda
    1 a 2 kit pro bebe ( shampoo, sabonete, creme de assadura, locão ou água de limpeza , hidratante)

    Bjs

    • Reply Silvia 15 de agosto de 2017 at 17:41

      Oi, prima! Então… vários dos itens que vc listou está no post anterior (o que levar na mala da maternidade – mamãe) lá tbm listei vários dos itens que vc adicionou aqui… 😉 Mas achei super interessante vc dizer como foi sua experiência e os itens que teve que preparar!! Obrigada por sua presença aqui!!! É assim, dividindo experiências, que conseguimos ajudar e ser ajudada! Beijo enorme pra vcs!!! Saudades

    Leave a Reply