Maternidade, Minha Dica

Desfralde

Oi, pessoal!

Hoje vou compartilhar com vocês o desfralde da Isabella.

Bom, tudo começou quando ela completou 2 aninhos! Tudo foi muito gradual e, principalmente, respeitando o tempo dela.

A primeira coisa foi identificar se ela já conseguia entender que ela usava fraldas e nós, adultos, usávamos o banheiro para nossas necessidades fisiológicas. Quando percebi que ela já tinha um mínimo de discernimento sobre isso comecei o “treinamento”.

Como disse, tudo foi bem aos poucos…

Como ela sempre foi uma criança que gostou de interagir com os livros achei interessante comprar um bem simples e que tratasse exatamente do assunto: desfralde, porém, queria que fosse, além de simples, bem didático e curto. Daqueles bem objetivos, sabe? E a dica que dou é o livrinho “Hora do Banheiro Meninas” (para quem tem filhas) e “Hora do Banheiro Meninos” (para quem tem filhos) – é da Autora Serena Geddes e editora DCL. É um livrinho curtinho, bem objetivo e ainda interativo, onde tem um botãozinho que imita o som da descarga! Super indico!

Aqui em casa quase todos os dias líamos juntas esse livrinho e, assim, aos poucos fui percebendo cada vez mais o quanto ela já compreendia o sistema e as razões de usar o banheiro, ao invés da fralda.

Bom, compreensão feita, passei para a fase prática do negócio…

O passo seguinte foi apresentar o vaso sanitário… comprei daqueles redutores de assento, diga-se super bonitinho, colorido… fazíamos a festa!!! Mas xixi que é bom, nada! Era mais brincadeira que outra coisa. Além disso, comecei a perceber que ela sentia uma certa insegurança com o vaso sanitário… sentia que para ela era mais ou menos como estar no topo do “Everest”… um lugar alto, estranho e que de certa forma causava medo.

Resolvi, então, mudar a estratégia… comprar um peniquinho!

Mas, daí, qual o peniquinho ideal? Digo com todas as letras que não há o ideal! O que existe é o que chama mais atenção da criança!!! Pelo menos foi assim aqui em casa.

E conto porque cheguei a essa conclusão: o primeiro peniquinho que comprei foi daqueles mais simples possível… no fundo não queria gastar muito com algo que usaria por pouco tempo. Pois não rendeu novamente. Acho que não chamava a atenção dela… era mais ou menos como um brinquedo novo.

Foi aí que andando no supermercado me deparei com um peniquinho muito parecido com o nosso assento sanitário, porém pequenino e com a cara dela! Ops. da personagem que mais ela gostava na época… a Peppa Pig! Era um peniquinho super compacto, de preço bem razoável, mas muito interessante, pois como disse era muito parecido ao assento de adultos, porém do tamanho dela. Tinha até tampa e que ela aprendeu a fechar depois de usá-lo. Foi perfeito!

E deu super certo!! Foi sensacional! Ela adorava sentar no peniquinho da Peppa, fazer suas necessidades e depois fecha-lo… Foi sucesso total!

Então, todo esse processo durou exatamente 3 meses!!! A Isabella desfraldou por completo aos 2 anos e 3 meses!!

Foi fácil?? N Ã O!!! E, digo mais: é uma fase que a paciência e a disponibilidade precisa reinar! É uma total novidade ao serzinho.

Ah, e uma dica: sabe aquele primeiro peniquinho que comprei… o mais simples da face da terra? Não o descartei!!! Carregava ele pra todos os lugares que íamos! Casa da vovó, dos tios, enfim… onde íamos o peniquinho ia atrás. E isso foi super importante para a adaptação da Isabella, pois ela conhecia o tal peniquinho, estava acostumada a ele, não tinha medo e pra nós era seguro, afinal não precisávamos colocá-la para fazer suas necessidades nas “privadas” alheias e, ainda, era fácil de carregá-lo para onde fôssemos!

Bom, e foi assim que a Isabella ficou mais um pouco independente… saiu das fraldas e deixou de ser meu bebezinho.

Lembrando sempre que cada criança tem o seu tempo e o seu momento… e isso, acima de tudo, deve ser respeitado, ok? 😉

Espero que tenha ajudado de alguma forma.

E se alguém tiver mais alguma dica não deixe de compartilhar!! 🙂

Um beijo bem grande e fiquem com Deus!

Previous Post Next Post

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply Maly Motta 31 de março de 2017 at 05:40

    Oi Sil!

    Ótimas dicas. Gratidão!

    Já vou anotar o nome do livro e na época do meu filho, vou buscar um vasinho chique desse formato.

    O penico simples ela já ganhou do dindo. Kkk Para menino pode ser mais fácil treinar no simples porque vai precisar sentar menos do que menina, né?

    Vamos ver! Rsrs.

    Adorei o post. Beijos.

    • Reply Silvia 8 de maio de 2017 at 18:48

      Oi, Maly!!! Obrigada pelo seu carinho!!!Sim, tbm acredito que os meninos tenham uma adaptação diferente… e cada criança tem sua fase e sutileza! Se precisar de alguma ajuda é só chamar! Beijo enorme pra vcs

    Leave a Reply